Configurando o PhotoShop para otimizar o trabalho

Quando trabalhamos muito com o Photoshop precisamos facilitar ao máximo nosso trabalho, então nesse post veremos como configurar o PS para melhorar nossa vida diante desse programa com tantas opções de configuração. As dicas serão dadas para a versão CS6 do Photoshop, mas muitas valem para todas as versões.

Em primeiro lugar veremos as opções de configuração geral que ficam em Edit/Preferences.

Configuração geral

A primeira janela desse menu é a General que como já diz são as configurações gerais. Várias opções já vem marcadas por padrão, então só veremos as que serão modificadas.

Uma configuração interessante e que normalmente não é muito usada é a Beep When Done, isso faz com que soe um bipe após qualquer efeito que é feito no Photoshop. Quando temos uma máquina rápida em que os efeitos acontecem instantaneamente ele não serve pra muita coisa mas quem tem um micro muito lento verá que essa configuração é imprescindível. Eu quando tinha um micro lento, deixava o efeito rodando e ia fazer outras coisas até ouvir o bipe. 😉

Configura Bipe
Outra configuração que agiliza muito o trabalho é o Zoom With Scrool Wheel, com isso você aumenta ou diminui o zoom com a rodinha do mouse. Muito útil mesmo!

Scrool Zoom
Uma novidade que foi apresentada no CS6 é o Color Theme que fica na aba Interface, onde podemos mudar a cor do Photoshop de um cinza bem escuro até o antigo cinza claro para os saudosistas.

Temas
A melhor novidade que veio pra ficar é o salvamento automático. Quem nunca teve o problema de perder todo o trabalho de horas porque a luz apagou ou o micro travou? Pena que essas configurações ainda não vem habilitadas por padrão, então vamos entrar na aba File Handling e marcar as opções Save As to Original Folder e Automaticaly Save Recovery Information Every, sendo que nessa última opção configure para 5 minutes. Isso fará com que o Photoshop salve nosso arquivo automaticamente a cada 5 minutos.
É importante lembrar que o arquivo não é salvo em cima do arquivo que estamos trabalhando normalmente, então depois do travamento abram o Photoshop pelo ícone do programa que assim o arquivo salvo automaticamente será restaurado.

Configurando o salvamento automatico
Na aba de Performance podemos configurar várias coisas para deixar nosso PS cada vez mais poderoso, essas configurações que farei agora são para máquinas mais poderosas, então tenham cuidado se o micro for antigo.
Em Memory Usage configuramos para que o Photoshop use um pedaço da memória exclusivamente para ele, no caso abaixo coloquei 59% da memória para uso do PS. Temos que ter cuidado pois se aumentarmos muito a memória disponível para o PS pode acontecer de ficar pouca memória para o Sistema Operacional o que deixará tudo mais lento.
Uma configuração que otimiza demais o trabalho é na opção de History & Cache. Na opção History States determinamos quantas linhas terão nosso History do PS, deixe com um valor entre 60 e 80, assim quando utilizamos o brush para pintar algo ou fazer uma máscara podemos voltar várias linhas se o que fizemos não ficou bom.
Em Scratch Discs se temos mais de um HD ou partição no computador podemos dividir o arquivo temporário do Photoshop pelos discos para que não ocupe muito espaço. Para quem tem um HD pequeno é importante dividir para que o temporário do PS não ocupe o disco todo e deixe tudo muito lento.

Scratch Disks
Para quem tem uma placa de vídeo com processador gráfico, clique no botão Advanced Settings que fica na opção Grafics Processor Settings ainda na aba de Performance. Na janela que se abre coloque em advanced para usar o máximo do processador gráfico para os trabalhos do Photoshop.

Graficos

Agora vejamos as configurações de cursores. Vá para a aba Cursors e clique nas opções Full Size Brush Tip e Show Crosshair in Brush Tip. A primeira faz com que o pincel seja mostrado exatamente no tamanho que ele está configurado, assim sabemos se estamos usando um pincel muito grande. Já a outra faz com que apareça um sinal de + dentro do pincel o que faz com que saibamos exatamente onde estamos pintando, quando o pincel está grande demais não vemos direito onde ele está sem essa opção marcada.
Já se você configurar a opção Other Cursors para Precise, todos os outros cursores do PS vão ficar como um sinal de + onde saberemos exatamente onde estamos clicando, tem alguns cursores comuns do PS que nos deixam meio perdidos sem saber onde estamos clicando.

Cursor
Em posts próximos veremos como configurar outras opções dentro do Photoshop, por enquanto curtam o Blog e mandem sujestões ou dúvidas pra gente, até lá.

Anúncios

Um comentário sobre “Configurando o PhotoShop para otimizar o trabalho

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s