Lightroom – Usando em fotomanipulações.

Neste tutorial vamos mostrar como utilizar o Adobe Lightroom, pra quem nunca ouviu falar o Lightroom é um software criado pela a Adobe que visa a rápida edição e o armazenamento de fotos digitais. Ele permite que o usuário importe uma grande quantidade de fotos automaticamente a partir de uma câmera ou cartão de memória, podendo organizá-las em pastas e fazendo diversos ajustes. Ainda permite salvar as configurações para futuros trabalhos (Fonte: Wikipedia)

Essa ferramenta é ótima para melhorar fotografias mas também podemos utilizá-la para dar mais efeitos em manipulações de imagens.

Mostraremos nesse tutorial como utilizar várias ferramentas deste aplicativo para chegarmos no resultado abaixo. Vejam a imagem com e sem os efeitos Lightroom.

Essa imagem está publicada no link abaixo no Deviantart.

http://alepainkiller.deviantart.com/art/Mystic-Potion-281470012

Primeiramente vamos explicar algumas funções da tela Biblioteca, nessa tela podemos importar e exportar imagens para o disco, como publicá-las no Flickr e no Facebook e até criar pequenos reparos na parte de revelação rápida. Mas basicamente só usaremos as funções de importação e exportação. É importante que cliquem nas imagens abaixo para vê-las em alta definição.

Vamos importar a imagem em que iremos trabalhar indo no menu em Arquivo e escolhendo a opção Importar fotos como mostra em destaque na imagem abaixo.

Nesta janela que se abriu clique na opção Incluir subpastas (no Lightroom 4 não tem mais isso), navegue até a pasta onde estão suas imagens, todos os arquivos compatíveis com a importação serão visualizados como mostrado abaixo. Note que arquivos PSD também podem ser importados, (o arquivo PSD não será alterado, o Lightroom cria o efeito dentro do programa e só poderemos salvar na exportação para outro formato) como JPG, PNG, GIF, etc.
Agora clique na imagem que deseja e clique no botão Importar.

Serão carregadas todas as imagens da pasta. Clique duas vezes na imagem desejada para abrir a imagem que queremos trabalhar.

Com a nossa imagem já pronta para uso, iremos ver a segunda opção do menu que é Revelação. É aqui que trabalharemos todos os efeitos de imagem. Veja no menu da direita que temos um histograma, uma barra de ferramentas e um menu de opções, veremos cada uma delas.

A primeira coisa que eu faço quando edito uma imagem é ir na opção Curva de tons, ajustando os ponteiros de acordo com o freguês. Neste caso aumentei bastante o realce, ou seja, intensifiquei a parte clara assim como realcei as partes escuras incluindo as sombras, tomando cuidado para não escurecer demais. Uma coisa muito legal que tem no Lightroom é que quando clicamos duas vezes em cima do ponteiro ele volta para a configuração inicial.

– Ei, mas eu não poderia ir no Photoshop e usar Curves, Levels, etc?

– Sim, mas aqui só com esse menu já fazemos tudo de uma vez. É mais fácil e mais poderoso.

Clicando na opção Básico temos vários efeitos, como aumentar ou diminuir a temperatura da foto, no nosso caso aumentei um pouco para dar uma iluminada. Também aumentei um pouco a exposição, bem como o brilho e o contraste. Com a opção Claridade, aumentando ou diminuindo podemos criar efeitos bem interessantes. No nosso caso aumentei um pouco para dar um efeito mais dramático.

A próxima tela tem os efeitos equivalentes aos efeitos Sharpen e Blur do Photoshop. Aumentei um pouco a Nitidez para acentuar os detalhes da imagem.

Aqui na opção de Efeitos, podemos criei o efeito de Vinheta que é o escurecimento das bordas da imagem.

– Eu ví que na imagem na parte direita do capuz e em alguns lugares nos pulsos tem uma cor arroxeada.

– É mesmo, então vamos corrigir isso.

Abrimos a opção HSL, aqui podemos substituir uma cor por outra, assim podemos alterar uma cor específica sem mexer nas outras cores. Então mexi no valor Vermelho e tirei essas partes que estavam com a cor destoante. No valor Verde puxei mais pro azul o que tornou os olhos do gato bem mais azuis.

Agora veremos a barrinha de efeitos do Lightroom que fica bem abaixo do histograma, primeiro vamos falar do Pincel que está destacado em vermelho na imagem abaixo, depois falaremos da ferramenta gradiente, as outras opções da barra são os botões de remoção de olhos vermelhos, remoção de manchas e a ferramenta crop.
Então clicamos no ícone do pincel e se abre um menu com suas opções, vamos iniciar clicando no botão da cor para escolhermos a cor desejada, então se abre a paleta de cores como mostrado abaixo.

Agora iremos escolher o tamanho do nosso pincel. Vá na opção Tamanho e escolha o tamanho desejado. Veja em destaque como ficou o nosso pincel.

Agora vamos dar uma pincelada no local desejado. Após a pincelada ser dada fica uma bolinha marcada na imagem como mostrado abaixo. Então podemos alterar as configurações para deixá-la do jeito que mais nos agrade. Então aumentei a exposição, o brilho e o contraste para deixar com um efeito de como se algo que estivesse dentro do copo estivesse iluminando os bigodes do nosso gatinho.

Agora vamos aprender outra ferramenta que é o Gradiente. Vou usar  para escurecer uma parte da imagem. Tanto com o pincel ou com o gradiente podemos iluminar ou escurecer os locais desejados.
Primeiramente clicamos no ícone do gradiente, depois escolhemos a cor, nesse caso escolhi um amarelo claro. Depois arrasto a bolinha da ferramenta na direção que desejo o efeito. Diferente do photoshop o LR não permite que trabalhemos com duas ou mais cores , ou seja, no LR o  gradiente  vai esmaecendo da cor escolhida até ficar transparente. As listras brancas mostram o início e fim do efeito.

Agora vamos escurecer para criar a sombra, notem que arrastei o brilho para o valor mínimo. Assim criamos uma sombra colorindo levemente na cor escolhida.

Pronto! Nossa imagem está finalizada, vamos então salvar no disco. Para isso escolhemos no menu a opção Exportar.

Abre-se a janela de opções, escolhí a pasta específica e o formato, deixei no padrão que no caso é JPG.

Agora é só visualizar o nosso arquivo no gerenciador de arquivos. Veja que foi criada a pasta “Exportação sem título”, o lightroom sempre cria essa pasta.

Espero que esse tutorial tenha esclarecido os mistérios dessa ótima ferramenta que é o Lightroom, até a próxima.


Créditos:

Gato: http://furlined.deviantart.com/art/Queen-Fluff-210636581
Capuz: http://darkystock.deviantart.com/art/winter-stock-9-92080608

Anúncios

3 comentários sobre “Lightroom – Usando em fotomanipulações.

  1. Pingback: Colocando marca d´água nas suas imagens. [Photoshop + Lightroom] | elelart

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s